Campus de Breves recebe o 23º Fórum de Coordenadores de Campi

Foto Campus de BrevesA 23ª reunião do Fórum dos Coordenadores de Campi da Universidade Federal do Pará será realizada no Campus de Breves, na Ilha do Marajó, nos dias 6 e 7 de junho. Nesta edição, os coordenadores dos campi, acompanhados pelo reitor, pelo vice-reitor, pelos pró-reitores, pela procuradora geral, pelo prefeito e por outros assessores discutirão como tema central “As Políticas Extensionistas e de Assistência Estudantil na UFPA Multicampi”.

A programação está dividida em painéis temáticos, seguidos de debates e proposições. Serão cinco assuntos em discussão: Painel 1: “Política Nacional de Extensão e o Congresso Brasileiro de Extensão Universitária - VI CBEU - 2013”; Painel 2: “As Política de Assistência e Integração Estudantil da UFPA Multicampi”; Painel 3: “Balanço e Orientações quanto à Avaliação Institucional na UFPA Multicampi”; Painel 4: “Refletindo sobre as Ações de Planejamento, de Gestão Administrativa e de Gestão de Pessoas” e Painel 5: “Condições Institucionais para Flexibilização de Oferta de Cursos de Graduação a partir dos Campi para Ingresso em 2014”.

A programação encerra-se com a avaliação do Fórum e a escolha da sede da próxima reunião, a qual ocorre, ordinariamente, duas vezes ao ano. Há uma diretriz de revezamento entre os campi para sediar as reuniões do Fórum. As últimas edições foram realizadas em Castanhal, Bragança, Cametá e Altamira.

Temas – Segundo o presidente do Fórum, professor Adriano Silva, geralmente, os temas discutidos resultam em diagnósticos e proposições que podem gerar aperfeiçoamentos nas ações de ensino, pesquisa e extensão da UFPA, como um todo. “Afinal, cerca de 50% do número de discentes da UFPA estudam nas Unidades Regionais.”

Desde que foi iniciado o processo de autonomia acadêmica e administrativa dos campi, o professor diz que as unidades enfrentam, cooperativamente e particularmente, os desafios de gestão acadêmica e administrativa, tal como os institutos, os núcleos e as unidades acadêmicas especiais. “A particularidade é que cada campus tem uma dinâmica própria e suas coordenações atuam como “Sub-Reitorias” na relação com a sociedade local e regional. A insuficiência de pessoal, docente e técnico tem se constituído no principal desafio da gestão dos campi na UFPA”, reforça.

Para Adriano Silva, os encontros dos campi têm sido de suma importância para a comunidade acadêmica, pois é a partir deles que ocorrem os encaminhamentos de proposições aos dirigentes da Administração Superior da UFPA. “Temos buscado contribuir para a implementação de melhorias no planejamento, na gestão e na avaliação institucional, visando melhorar os indicadores acadêmicos. Em geral, temos a oportunidade de pactuar procedimentos comuns e conhecer as alternativas construídas por cada coordenação perante os desafios cotidianos, tais como, qualificação de servidores técnicos e docentes; investimentos na gestão da informação e da logística dos campi; política de expansão de cursos de graduação, de pós-graduação e de extensão universitária, dentre outros”.

Confira aqui a programação.

 

Editais e Bolsas

Copyright © 2012 - CUMB - Campus Universitário do Marajó - Breves - Alameda IV, Nº 3418 - Parque Universitário. CEP 68800-000. 91 3783-1129. Breves - 2014